Kalil durante reunião nessa na sede prefeitura de BH, com representante da população LGBT
Kalil durante reunião nessa na sede prefeitura de BH, com representante da população LGBT (Foto: Pablo Pacheco/Ascom PBH)

Kalil fez o anúncio durante reunião em que ele comunicou a criação da Coordenadoria de Direitos da População LGBT

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PHS), pretende participar da 20ª Parada Gay de Belo Horizonte, que normalmente acontece todos os anos no segundo domingo de julho. A informação foi confirmada nesta sexta-feira por um dos participantes do encontro que Kalil manteve na noite dessa quinta-feira (16), na sede da prefeitura, com representantes da população LGBT.

Kalil convocou a reunião para anunciar a criação da Coordenadoria de Direitos da População LGBT – decreto com a diretrizes da iniciativa foi publicado nesta sexta no Diário Oficial do Município (DOM). Segundo Carlos Magno, presidente da Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Travestis e Transgêneros (ABGLT), Carlos Magno, a reunião com Kalil durou quase uma hora e contou com a presença de outros representates de entidades representativas da população LGBT. Ele listou a Articulação Nacional de Travestis e Transgêneros, o Centro de Luta pela Livre Orientação de Minas Gerais e o Instituto Pauline Reistun.


Reivindicação antiga

Carlos Magno contou ainda que o prefeito foi “super simpático” com os representantes da população LGBT presente à reunião dessa quinta-feira. “O prefeito atendeu a uma reivindicação antiga nossa. Milito há 15 anos e desde 2008 aguardamos a implantação da coordenadoria, e no final da reunião ele ainda disse que vai à Parada Gay deste ano”, disse. Segundo Carlos Magno, durante a reunião não foi comentada a estrutura da coordenadoria nem o orçamento. “Essa é uma decisão do Kalil, se ele nos chamar de novo para conversar, podemos opinar”, afirmou.

Coordenadoria

A Coordenadoria de Direitos da População LGBT será vinculado à Secretaria Municipal Adjunta de Direitos da Cidadania. Entre as atribuições da coordenadoria está a elaboração e coordenação das políticas públicas destinadas à população LGBT. Além da implantação de políticas de atenção às vítimas de violência e discriminação por orientação sexual.

Caberá ainda a nova coordenadoria, a coleta de dados e desenvolvimento de estudos e pesquisas relacionados à população LGBT. Esses dados, de acordo com a Prefeitura de Belo Horizonte, serão usados para orientação de políticas públicas para essa parcela da população. Durante encontro com entidades que representam a população LGBT, Kalil se comprometeu com o fortalecimento do Centro de Referência LGBT.

 


  • Estevão Rodrigues de Oliveira

    Eu aconselho a Vossa Excelência a pensar duas(2) vezes.
    Anitta diz ser a ‘cura gay’ e ganha críticas nas redes sociais
    https://pt.wikipedia.org/wiki/Horm%C3%B4nio_antim%C3%BClleriano
    O hormônio antimülleriano (português brasileiro) ou hormona anti-Mülleriana (português europeu), também conhecido como AMH, é uma proteína que, em humanos, é codificada pelo gene AMH. Ela inibe o desenvolvimento dos ductos de Müller no embrião masculino[1]. Foi nomeado em homenagem a Johannes Peter Müller.

    Um projeto louco e doentio como o da “cura gay”, proposto pelo deputado federal João Campos (PSDB) e protocolado na Câmara dos Deputados em 2011, foi usado como “brincadeira” pela cantora Anitta durante o Baile da Vogue, na noite de quinta-feira, 16.
    Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link http://www1.folha.uol.com.br/poder/2013/07/1305027-projeto-da-cura-gay-e-retirado-pelo-autor-joao-campos.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo. Se precisa copiar trecho de texto da Folha para uso privado, por favor logue-se como assinante ou cadastrado.

    Excelentíssimo Doutor João Campos deputado do PSDB-GO , vou explicar á Vossa Excelência o que nem a medicina e nem a psicologia enfim psiquiatria explica.
    A próstata “do homem”, porque a mulher não tem útero né é do tamanho de uma castanha do pará que tem a propriedade de levar o espermatozoide até “o útero da mulher”,
    da mulher, o que acontece é o seguinte: quando uma criança é estuprada do sexo feminino fica com trauma psicológico e cria um campo no hipocampo do cérebro que atinge
    o hipotálamo do cérebro e isso faz com que a imagem de qualquer homem passe a ser vista como a imagem de um monstro, um agressor, um demônio= que o contrário de Deus,
    o contrário de Nosso Senhor Jesus Cristo, portanto ela se identifica com a mulher e passa a acreditar mesmo inconcientemente que a mulher não vai lhe agredir porque
    as duas entendem e disponibilizam das mesmas formas de carinho e personalidade ou qualquer outra forma de afeto que não se aproxime nem em U$TRILHÕES,00 com um homem.
    Portanto a menina ou a mulher vai se preocupar em receber ou dar carinho a outra mulher preferindo então nunca mais ter contato com homem ou até querer mostrar pra
    outra mulher como ela gostaria de ser tratada pelo homem tendo em vista que a mesma foi agradida ou sofreu qualquer outra forma de agressão.

    Em algumas mulheres o trauma é tão grande de que se ver o pai batendo mãe ou amante ou namorado já é o suficiente que uma espécie de “coma não induzido” afete o hipotálamo
    do cérebro e isso faz com que ela nunca mais queira se aproximar de homem até com intenção de mostrar como queria que um homem tratasse uma mulher.
    No menino ou homem acontece o seguinte: no ato da invasão ou infusão do pênis no ânus faz com que seja ejaculado ou inserido ou infuso espermatozoide no canal anal que
    atinge a próstata e isso faz com que o hipotálamo do cérebro seja atingido enviando mensagens através de impulsos elétricos pra próstata que cria um campo traumático
    fazendo com que mesmo que a próstata mantenha a função já explicada, acredite que alí deve ser o local onde os espermatozoides devam ser armazenados, tendo em vista
    que isso é humanamente impossível a um órgão que não produz o espermatozoide porque o mesmo é produzido pelos testículos isso faz com que os impulsos elétricos causem
    um trauma hopotálamo do cérebro, fazendo com que a próstata queira que os espermatozoides passem diretamente do testículo pra ela, como se fosse uma arma com um tiro pela culatra
    porque os epermatozoides saem pela uretra mas nesse caso a próstata quer que esse “sistema mecanismo” seja invertido, essa inversão tendo em vista que se a próstata produz um líquido
    que leva os espermatozoides até o útero através da uretra, na media que esse mecanismo não pode ser invertido então o contato “pós traumático” que exige contato com o
    hipotálamo que tem contato através de impulsos elétricos com todos os órgãos do corpo, isso faz com que não estando satisfeita a próstata exija ser EJACULADA isso faz com que
    sendo impossível humanamante, obrigue o indivíduo do sexo masculino a procurar quem faça isso, um outro indivíduo do sexo masculino=
    CONCLUSÃO:

    Provérbios 22:6 Ensina a criança o caminho que deverá seguir a até quando morrer(envelhecer) não se desviará dele.
    99% dos homossexuais sofreram algum abuso na infância e/ou alguma vacina que a gestante tomou o medicmanto pra enjôo
    como é o caso de valeriana, enalamed, captopril,clonazepam, enfim possuem alguns medicamentos e vacinas que se gestantes
    tomarem causa uma alteração no cromossomo 19 que faz até com que a criança possa nascer com anomalias a exemplo disso a uretra
    com atrofia ou pênis com atrofia, e a mutação no cromossomo 21 que causa inevitavelmente sídrome de down.
    CONCLUSÃO DE NOVO: Enquanto o Governo não entender que a medicina e a sociedade está “tentanto imitar Deus e Nosso senhor Jesus Cristo”
    a exemplo do Evangelho segundo São Lucas 12, 49-53 e Apocalípse de São João 13, 18 e Mateus 12 , 43-45 e São João 10-10 e
    São João 15:5.Entre outros tantos evangelhos.Portanto a medicina e as indústrias farmacêticas e químicas e a médicina está
    fabricando junto com o crime organizado e com a “alta sociedade” pra sobrar dinheiro, está fabricando homossexuais,
    loucos, mendigos, doentes, enfim,demanda que gera atração, uma espécie de granja de aberrações.
    Se um menino nasceu com o sexo masculino, ele é que tem o direito de escolher se vai ou não querer uma mulher mas lhe tem que
    ser ensinado a correta forma de se relacionar sem violência, sem estupro, enfim, o mesmo com a menina, porque quem nasce
    não nasce sabendo.

    Então tem que resolver o problema ANTES de acontecer, depois que acontece não adianta.
    O ser humano é a salvação e a perdição, o céu e inferno, a felicidade e o sofrimento em contraste com o mundo em que viver se
    esse mundo(ambiente) em que vive não for promisquo a felicidade, é lógico que haverá sofrimento, portanto eu tenho certeza
    me desmintam quem quiser, muitos meninos, homens se tornam gays devido a ir numa festa haves e ser estuprado bêbado ou em uma armadilha
    ou um menino é estuprado, enfim o mesmo é com a moça a menina.Dizem que a “Tamy miranda” tem um trauma irreversível porque
    viu a mãe ser surrada tantas vezes que perdeu a conta, ela simplesmente tomou raiva de homem e passou a querer mostrar pros homens como
    se trata uma mulher ela já fez sexo com a júlia paes(dá pra acreditar numa coisa dessas?).A gretchen já apanhou demais Nossa Senhora.Lembra dum cabiludo
    lutador de caratê que deu uma surra nela?Pois é a Tamy Miranda viu.
    Alguém acredtia mesmo que é só falar que é gay e pronto?
    Tem crianças que são estupradas só pra virar homossexual em cidades pequenas só pra vender drogas, então isso é precoce, não estou criticando ninguém, mas
    se o Governo quer mesmo mudar algo tem que ser igual Deus fez com o mundo começou a mudar a cabeça do ser humano ao invés de dilúvio.
    Banalizar a educação não adianta, banalizar a saúde não adianta,tem que ensinar a criança independente da condição do adulto, tem que ensinar a coisa certa.
    Se na juventude a criança quiser desencaminhar que seja por si só sem a influência de ninguém.
    Na cidade de São Paulo_sp e todas as cidades existem “ricos(as)” que vão em lojas e furtam coisas sem pagar.
    A medicina virou uma desgraça.

    Vai num médico ou médica sendo homem e fala que quer ser mulher ou sendo mulher fala que quer ser homem.
    Como medicamentos eles e elas conseguem fazer isso, acreditem em mim, sem a necessidade de cirurgia mas se você insistir
    a cirurgia será feita.Porque?Só por causa do dinheiro.Médico só trabalha pra ganhar dinheiro.
    A dosagem de AMH também permite a avaliação dos estados intersexuais (hermafroditismo),
    pois é capaz de distinguir os casos de defeitos da diferenciação sexual masculina causados
    pela presença de testículos anormais, daqueles que possuem defeitos de secreção e/ou ação da testosterona.
    O Hormônio Anti-Mülleriano (AMH), também chamado de Substância Inibidora Mülleriana (MIS), é uma glicoproteína dimérica de 140 kilodaltons que sofre ativação após a clivagem e liberação dos fragmentos C-terminais (partículas biologicamente ativas). O AMH pertence à família do TGFb (“Transforming Growth Factor b”), e está envolvido em processos de crescimento e diferenciação.

    O gene que codifica o AMH está localizado na extremidade do cromossomo 19, regiões 13.2 a 13.3, possui cinco exons e tem sua transcrição controlada pelo fator esteroidogênico 1 (SF-1), SOX9 (SRY HMG Box related gene 9), WT1 (Tumor de Wilms 1), e GATA-4 (“zinc finger”), enquanto que o controle após a etapa de tradução é feito pela testosterona.

    O AMH age por meio de duas classes de receptores que são na realidade serina-treonina kinases: os do tipo II foram clonados em 1994 e são expressos apenas nos órgãos-alvo do AMH; os do tipo I (BMPR-IB e seu efetor Smad 1, fator nuclear kappa B, beta-catenina e fator p16 ativado), possuem mecanismos de ação ainda desconhecidos.

    Durante o desenvolvimento do feto, as gônadas apresentam um duplo potencial de transformação, pois os dutos de Müller e os canais de Wolf coexistem: os primeiros são precursores do útero, das trompas de Falópio e dos dois terços superiores da vagina; os canais de Wolf formam o epidídimo, os canais deferentes e as vesículas seminais. No menino, o AMH, fator testicular secretado pelas células de Sertoli, causa a regressão dos dutos de Müller e continuará a ser produzido até a puberdade. Após este período, os níveis decrescem lentamente até atingirem valores residuais. Na menina, o AMH começa a ser produzido em pequenas quantidades pelas células da granulosa ovariana logo após o nascimento até a menopausa, tornando-se indetectável no soror após este período. O AMH age por meio de uma diminuição da atividade da enzima aromatase nas células da granulosa ovariana.
    http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-42302003000100024

    Entendeu deputado?
    Tem que punir com severidade quem ensina ou quem agride crianças ou induz um ser humano inocente a esse tipo de agressão.
    Mas com lei e não pela sociedade, porque a sociedade não sabe punir, a “sociedade” é justamente quem promulga e induz a esse tipo
    de prática com a frase: “fulano tem um jeitinho, fulana tem um jeitinho”.
    Isso já destruiu a vida de milhões de crianças e até jovens que foram encontrados e encontradas amarradas e amarrados em cercas de arames
    e apartamentos, casas, banheiros, sob efeito de “boa noite sinderela”, enfim.
    Muito Obrigado, mais alguma dúvida sobre sugestão de mudança na legislação brasileira.
    Estou a disposição lembrando que uma vez que a vida de uma criança ou adulto foi destruido não tem jeito de concertar uma música sem a composição ou consertar uma criança sem antes lhe ensinar o que é certo e o que é errado.
    Concordo com a Anita, se a Excelentíssima Cantora Anita ou alguma mulher fizer sexo com um homem ou menino ensinado-lhe a gostar de mulher, principalmente na adolecência
    o adolescente vai gostar de mulher, mas se um homem o fizer com esse adolescente acontecerá o contrário.
    Conclusão:Provérbios 22:6 Ensine a criança o caminho que deverá seguir e até quando morrer não se desviará dele lembrando que
    o “sociedade” em busca de “perfis” prefere destruir ao invés de construir.
    Já pensou seu filho chegar com o ânus cheio de espermatozoide em casa?Nunca mais presta e vai querer “fabricar” mais e imagina o médico
    na gestação aplica uma vacina ou induz a gestante a tomar medicamentos e o filho nasce com síndrome de down ou homossexualismo?
    Isso é a medicina e a psicologia que induz a sociedade a cometer esse tipo de crime.
    Presta atenção deputado João Campos PSDB se quer mesmo ajudar estude como o crime organizado age e como são “fabricados” e “fabricadas” pessoas com o pefil que a própria sociedade
    preconceitua.

    Pergunte ao Excelentíssimo Deputado Gean Wyllys se não fosse pelo fato de fazer sexo com homens se ele ainda continuaria sendo ou incentivando a ser gay?
    Pergunta se ele queria ficar em semáforos se prostituindo e vendendo drogas?
    Se a resposta for não.
    Então deputado o projeto deve ser modificado no sentido de resgate de valores que a sociedade perdeu, princípios.
    e mudar a grade curricular da medicina e psicologia e farmácia e indústrias químicas e engenharia química de acordo com
    a realidade do mundo, se o deputado Gean Wyllys tem uma espectativa de vida de 72 anos de idade, aquele menino que foi amarrado numa cerca de
    arame numa cidade pequena pra ser estuprado, também.
    E aquela menina e menino que foram encontrados amarrados,nos banheiros, casas abandonadas, becos, armadilhas e apartamentos, também.
    Conclusão: reforma na legislação da “sabedoria popular” e da medicina e da psicologia e indústrias químicas e farmcêuticas pra que os pais
    e ou responsáveis possam educar seus filhos.
    Principalmente crianças e adolescentes.
    Mais alguma dúvida?
    Favor se dirigir somente a mim.Não faça movimentos bruscos, embora seja chorão porque vivo na solidão, isso não quer dizer
    que não possa ter um mal ou mau súbito.
    Muito Obrigado.
    Estevão Rodrigues de Oliveira.