Parada Virtual do Orgulho LGBT
Parada Virtual do Orgulho LGBT (Imagem divulgação)

Como é de conhecimento público, a APOGLBTSP – Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, alterou a data da realização da 24ª Parada do Orgulho LGBT para o final de novembro, por conta da pandemia do COVID19, mas para que o mês de junho não fique sem celebração, faremos a 1ª Parada Virtual do Orgulho LGBT.

Todos são conscientes sobre as restrições que vivemos, a mobilidade urbana, o confinamento social etc. Pensando nisso, no dia 14 de junho, data que seria realizada a Parada LGBT+ de São Paulo na Av. Paulista, a Associação da Parada, em parceria com a Dia Estúdio, fará a transmissão da ParadaSP Ao Vivo.

A programação conta com ativistas, empresas, instituições, apoiadores, influencers, artistas para celebrar junto o Orgulho de viver a Diversidade. Toda transmissão será simultânea, feita através das redes sociais da Parada LGBT de São Paulo e parceiros pelo Youtube.


Apoio e programação

A Dia Estúdio é pioneira nesse tipo de transmissão e parceira da ParadaSP, nos ajudando desde 2018 com a produção transmitindo todo o conteúdo com uma qualidade excepcional para eventos desse segmento nas redes sociais.

O tema da 24ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo é Democracia, e o slogan é “Sejamos o pesadelo dos que querem roubar a nossa Democracia”. Neste momento em que direitos da nossa população e de todas as pessoas estão sendo ameaçados, devemos alcançar o maior número de pessoas com mensagem de conforto, coragem, esperança e amor.

Também será uma nova oportunidade de arrecadarmos recursos para ajudar mais pessoas que estão em situação de vulnerabilidade pelo Projeto Rede Parada pela Solidariedade, que tem ajudado pessoas com distribuição de cestas básicas, kits de higiene e limpeza.

Lembrando que o nosso objetivo é ajudar e dar visibilidade para a comunidade LGBT+ por meio deste evento e de outros que irão ocorrer, como parte da estratégia da ONG de manter as pessoas seguras em suas casas e conectadas com o Movimento Social LGBT+.