6 truques para desgrudar a purpurina do corpo depois da folia

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Brilho até na alma? Ideal para quem continua encontrando glitter do carnaval passado.

Aí você vai a uma festa à fantasia, faz uma maquiagem cheia de glitter e ele gruda na pele, na roupa, no cabelo, sobrancelha, na alma! E depois de dois meses, num dia qualquer, nos deparamos com um glitterzinho colado na nossa bunda.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Por isso, separamos uma série de truques para você se livrar desse brilho a mais. Pode tacar purpurina porque ela vai sair, sim, senhor!

1. Pó antes da maquiagem

Uma dica bem simples é passar pó antes do glitter. Pode ser pó compacto, base, iluminador… Até talco serve! A ideia é que o pó forneça uma barreira entre o glitter e sua pele. Quando for tirar a maquiagem, o glitter sairá junto.

Essa também é uma dica para quem quer que a purpurina fique em lugares específicos. Quando estiver fazendo a maquiagem purpurinada no olho, por exemplo, passe pó na bochecha e embaixo do olho. Mesmo que caia glitter ali, é só espanar com o pincel que ele sairá fácil.

2. Demaquilante nele!

Um segredo maravilhoso para quem sofre com glitter ou maquiagens difíceis de tirar: dê tempo ao demaquilante. A gente tende a só molhar um algodão com o produto e ir passando pelo rosto, mas esse não é o melhor jeito.

Deixe o algodão com o produto em cima da área por alguns segundos. Isso serve para “descolar” o glitter ou derreter a maquiagem. Ah, e quanto mais oleoso o produto, mais fácil as coisas vão deslizar para fora da sua cara. Aqueles demaquilantes bifásicos são ideais.

3. Xampu antiresíduos

É muito difícil tirar glitter do cabelo, sobrancelha, barba. Dias depois, ainda encontramos umas purpurinas perdidas, né?

Então compre um xampu antiresíduos e nos agradeça depois. Você provavelmente vai precisar lavar umas 2 vezes até o glitter sair e, por isso, os fios vão ficar meio ressecados. Mas é só fazer uma hidratação (caseira, mesmo) que tudo volta ao normal.

4. Unhas sem brilho com papel alumínio

Esmalte com glitter é uma graça, né? O problema é que parece que não vai sair nunca mais. O algodão, por mais acetona que tenha, gruda na unha e fica aquela melequeira. Ah, mas até pra isso nós temos solução!

Assim como acontece com o demaquilante, dar um tempo para a acetona agir é importante. Deixe ela derreter a tinta e soltar o glitter antes de sair esfregando. Para isso, molhe um pouco de algodão na acetona, ponha em cima da unha e embrulhe com um papel alumínio.

Deixa lá por uns 5 minutinhos. Acredite: isso vai te poupar muito trabalho (e algodão).

5. Quanto mais oleoso, melhor

Quanto mais tentamos arrastar um grão de purpurina, mais ele parece colar na pele, certo? Então é só burlar o sistema: passe óleo. Em qualquer farmácia você encontra óleo de amêndoas. O óleo vai minimizar a aderência, facilitando a retirada do glitter.

6. Fitas adesivas, suas lindas

Se o glitter resolver grudar pra valer na sua pele, na sua roupa, na sua casa e na sua vida, tem uma última opção:

Enrole uma fita adesiva nos dedos e vai capturando os brilhos que ficaram pra trás. Assim, você não corre o risco de espanar o glitter e ele grudar na sua mão, e aí no seu rosto, e aí grudar em você inteiro, que nem um simbionte.

Claro que você deve se preocupar em usar uma fita adesiva mais fraquinha, para não se machucar. E não tente isso no olho, as chances de acabar mal são grandes. É melhor ficar brilhante, né? Nada que não suma em 2 ou 3 anos.

Fonte: S.O.S Solteiros

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio