Símbolo da luta contra o HIV/Aids
Símbolo da luta contra o HIV/Aids [Foto: Reprodução/Internet]

Adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade, convivendo com o HIV/AIDS, receberão adequada formação para inserção no mercado de trabalho. Dentro do projeto “Viver” idealizado IBCM (instituição Beneficente Conceição Macedo ), com o apoio da BAHIAGAS, irá capacitar dez pessoas nesta situação.

A formação já iniciou na última sexta-feira (14), e tem como objetivo preparar e acompanhar os jovens. Noções de entrevista, elaboração do curriculum e cursos preparatórios com tempo de formação de dois meses fazem parte do cronograma.

LEIA MAIS:


SP: Refugiados e migrantes LGBT participam de oficina promovida pela ONU

Rondonópolis registra quatro mortes de LGBTs nos últimos 18 meses

Além da formação técnica, os participantes serão acompanhados nos serviços de saúde. A instituição irá acompanhar o tratamento e o contato diário com as famílias dos alunos.Para participar do projeto, o interessados devem estar regularmente matriculado e com frequência atualizada.

Os organizadores irão arcar com transporte e alimentação para garantir a participação dos membros do projeto. Após o treinamento, os mesmos farão parte do banco de currículos da IBCM.realizada este ano.